O CONSUMO DIÁRIO DE HORTOFRUTÍCOLAS É ESSENCIAL!
O baixo consumo de hortícolas e frutos encontra-se entre os 10 principais factores de risco para a mortalidade. O consumo reduzido destes alimentos está intimamente relacionado com o aparecimento de algumas doenças e complicações para a saúde como é o caso da doença isquémica cardíaca (cerca de 31% dos casos) e dos enfartes (cerca de 11% dos casos). Ao analisar a Roda dos Alimentos verifica-se que os hortofrutícolas apresentam um lugar de destaque na mesma. Esse lugar de destaque não é em vão. Estes alimentos são grandes fornecedores de minerais, fitoquímicos naturais, água e compostos protectores (flavonóides) que ajudam a regular o organismo e apresentam um efeito protector contra doenças cardiovasculares e alguns tipos de cancro.

Para além disso, a maioria das frutas e dos legumes apresentam um alto valor de fibras e um baixo valor calórico, o que ajuda a controlar o apetite e a combater a obesidade.

Devemos assim procurar variar ao máximo os hortofrutícolas que ingerimos, distribuindo o seu consumo por todas as refeições do dia.  É também importante sermos criativos e consumi-los de formas variadas para facilitar a sua integração na alimentação.

Todos os dias deverão ser ingeridas pelo menos 5 porções de fruta e legumes (cerca de 400g), como é recomendado pela Organização Mundial de Saúde.  

Não se esqueça, em primeiro lugar cuide da sua Saúde!

Rui Beijoco
Nutricionista